Translation

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Os meus jogos (Parte V)

Como prometido ontem, cá estão os meus acessórios para as diversas plataformas que possuo.


Da esquerda para a direita encontram-se um comando Thrustmaster Firestorm Digital 3para pc (se bem que mesmo sem analógicos serve bem para jogar na Ps3 Little Big Planet), dois Dualshock 3 com SixAxis incluído, wiimote + nunchuck vermelhos oficiais nintendo e com motion plus embutido, dois nunchucks e um wiimote (também com motion plus embutido) pretos da NPlay e por fim um suporte da Logic3 para wiimote para simular uma espécie de volante.
Espero que tenham gostado e amanhã esperem uma "post" VI com algumas coisas bem especiais da minha colecção em crescimento.

Olha, olha, quem é ele ...


Apareceu o dono do veículo roubado pelos irmãos Maio e pelos vistos quer a informação que estava dentro do PDA, isto está cada vez mais sinistro.

Burnout Paradise

Maltinha trago-vos mais um vídeo de estreia de um jogo e logo com uma serie super, hiper, mega famosa de "arcade racing"*, Burnout.
O título em questão é considerado por muitos o melhor da serie, Paradise, quer pela excelente banda sonora, fantástica jogabilidade ou os gráficos fluídos.


* -> Jogos de corridas não realistas.

Personagem Principal - Abe Exoddus



Como prometido, trago-vos pela primeira vez a rubrica sobre as personagens principais de jogos, conhecidas ou não, de boa ou má fé.
Abe é um Mudokon que descobriu da pior forma possível que a raça dominante do seu planeta pretende fazer produtos alimentares usando os Mudokons. Foi aprisionado por ter espiado os Glukkons (raça dominante) mas haveria de conseguir fugir e assim iniciar um aventura épica para terminar a produção do alimento e resgatar os seus companheiros das garras da morte.

Esta personagem tinha alguns truques que a foram ajudando a progredir ao longo da sua aventura, como a capacidade de incorporar inimigos e usá-los para cumprir vários objectivos, sendo o mais básico o resgate de outros Mudokons ou a sua própria "inteligência estupidificada" e capacidade de liderança.
Na altura douradas dos jogos de plataformas, Abe Exoddus foi um Rei e jamais será esquecido.
Amanhã: Pacman

Despedimento esperado

Comecei mal, continuei mal e acabei mal.


A meia época que passei ao serviço do SC Marítimo começou com uma eliminação na UEFA contra o Manchester United por 3-1 e uma derrota para o primeiro jogo do campeonato contra o FC Porto por 1-0. Não eram maus resultados mas foram-se acumulando derrotas com Braga, Belenenses, Benfica e Sporting que deixavam o clube em 12º lugar ao final da primeira volta.
Pela primeira vez corri todas as tácticas e nenhuma resultou, enfim, agora é continuar como seleccionador da Austrália e tentar arranjar emprego numa equipa de primeira divisão.

Os dois últimos jogados IV

Ultimamente andei pelo Vanquish na Ps3 e pelo Godzilla Unleashed na Wii, engraçado que a junção de ambos dá uma história bastante consistente.


A "DARPA" (agência de investigação de projectos de defesa avançados/novas tecnologias basicamente) desenvolveu um novo tipo de fato de combate que permite aos utilizadores realizar tarefas até então impossíveis.
Por coincidência, pouco tempo depois numa base de investigação secreta japonesa ocorreu um acidente que levou ao degelo do glaciar onde estava adormecido o temível e famoso Godzilla. Este recuperou todos os seus sentidos e saiu logo ao ataque em busca de alimento.
Os japoneses tentaram de tudo mas sem meios para combater o ser do jurássico decidiram pedir ajuda aos americanos, sabendo que existiria a possibilidade de eles terem alguma tecnologia ainda mais avançada - eles sabiam por espiões mas não podiam afirmar em público.
O soldado Sam Gideon foi obviamente chamado a intervir - sendo ele o único a controlar a 100% o fato - e travou uma batalha que durou semanas contra o Godzilla, custando-lhe mesmo um dos braços. O dinossauro acabaria por ceder à exaustão, sendo capturado ao fim de dois meses.

Pesquisar neste blogue