Translation

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Personagem Principal - Marco Rossi


Em 1996 surgiu um "franchise" chamado de Metal Slug, em que consistia? Era um jogo de tiros em duas dimensões "side scroller". 
O título era imensamente frenético, tinha uma excelente componente "multiplayer" e graficamente para a época era bastante interessante, ou seja, tinha tudo para ser um grande título ou até mesmo intemporal. Acabaria mesmo por se tornar no segundo e ainda nos dias de hoje existem imensos fãs mundo fora.


O Marco Rossi é nada mais, nada menos que uma das personagens principais da serie e provavelmente a única a entrar em quase todos os títulos da saga - e olhem que são muitos.
A história do Capitão Marco Rossi é simples, faz parte de uma unidade especial que tem como objectivo recuperar o Metal Slug, um veículo de combate, que caiu nas mãos de um general malvado que tenciono governar o Mundo, Morden.


Este "franchise" é a prova viva de que ainda existe muito jogador mundo fora que gosta de diversão pelo conteúdo e não pela qualidade gráfica.

Amanhã: Link

Últimas compras antes do Natal

Decidi ir dar uma volta a um "shopping" aqui perto, não contava comprar nada mas lá gastei os meus últimos-últimos-últimos €.


Quando entrei na New Game eles estavam a vender o Ben 10 Galactic Racing - nem conheço direito a serie de desenhos animados, só de nome mesmo - a 4,95€ e este dava para jogar com quatro pessoas em "local multiplayer"*, para mim chegava (já andava à procura de um jogo do género barato à muito tempo). Além deste trouxe também da mesma loja por 6,95€ uma versão limitada de um jogo onde nos passámos por um DJ, neste caso, o conhecido Armin Van Buuren. A versão em questão incluía um dvd + cd com concertos e músicas.


Antes de sair do "shopping" ainda passei na Worten onde vi o Tiger Woods PGA Tour 12: The Masters a 6,90€, logo mais um que dava para quatro.
Não são títulos super-hiper-mega interessantes mas sem dúvida que me vão proporcionar algumas horas de diversão, quer sozinho, quer com amigos.

P.S. Os três jogos são novos e estavam selados.

* -> Opção para jogar com quatro pessoas na mesma consola.

Os dois últimos jogados VI

A partir de hoje irei postar diariamente esta rubrica, claro que não o irei fazer com os dois últimos jogados  - até porque não consigo jogar todos os dias e muito menos dois jogos diferentes - mas com jogos da minha colecção que se possam interligar em algo criativo e divertido.


Dr. Fetus (a personagem representativa do mal no Super Meat Boy) fartou-se de raptar a amada do Super Meat Boy e decidiu que havia de fazer algo mais interessante, ou seja, lucrativo. Como sabia da velocidade e astucia do nosso herói, convidou-o para fazer parte da sua equipa que iria entrar na primeira edição das 24 horas de Apricot Hill, mais a Bandage Girl - namorada do Super Meat Boy.
Munido do Honda NSX que o Dr. Fetus arranjou para entrar na prova, o nosso herói carnal viu-se obrigado a lutar desde o fundo da grelha - ou seja, desde o 54 posto - porque a inscrição tinha sido feita em cima da hora, nem havendo tempo para as voltas cronometradas.
Noite dentro o Meat foi trocando com a sua namorada de cinco em cinco horas de forma a se manterem frescos e capazes até ao raiar do dia, onde iriam iniciar um ataque fulgurante.
Estava tudo a correr bem não estava? O problema é que o Sr. Dr. Fetus, como sempre, tinha algo guardado na manga para se livrar de vez do casal. Aos poucos foi sabotando os seus alimentos nas boxes. Claro que como já é habitual, este falharia pois sendo ambos feitos de carne mal passada, pouca ou nenhuma diferença fez.
Mal terminou a corrida a Bandage Girl apressou-se para perto do seu amado para lhe contar que haviam conseguido um fantástico terceiro lugar e que o malvado os havia tentado envenenar. Super Meat Boy acelerou-se até às boxes onde rasgou o contrato, recebendo assim todos os louros com a sua namorada.
O mau da fita retirou-se mais uma vez derrotado, obviamente jurando que voltaria para um dia terminar aquilo que havia começado à já vários anos.

Pesquisar neste blogue